Agora temos um Blog! Que este espaço nos permita saber mais sobre a realidade das crianças especiais e sobre histórias de sucesso, de conquistas e de emoção no envolvimento com estes seres de vida tão delicada. Quanto mais sabemos sobre eles, mais os amamos! Colabore! Envie suas sugestões e relatos para comunicacao@casadomenino.org.br!

A vida vence!

Toda a vez que uma das nossas crianças necessita ser hospitalizada, sentimos o coração apertado. Apreensivos diante das características dela, sabemos de sua vulnerabilidade e muitas vezes dos seus riscos, da sua pouca imunidade. Hospitais são lugares de cura, mas são também oportunidades promotoras de vírus, bactérias e afins.

Não raro nos interrogamos quando o nosso menino ou menina está sendo acomodado delicadamente por sua cuidadora na Kombi que o levará ao atendimento hospitalar: será que ele vai voltar? Quase sempre o acolhido retorna logo. Mas por vezes permanece algumas semanas hospitalizados. Zelosos, mantemos uma cuidadora sempre com ele durante a internação para que se sinta conectado afetivamente com alguém da sua Casa.

Felizes, nos comovemos quando este acolhido tem alta, retorna ao nosso aconchego e é recebido sorridente ao perceber vozes familiares, ao sentir nosso toque de carinho no seu rostinho, ao descobrir que a atmosfera em que está envolvido é a da sua Casa, onde se sente amado. Nossa criança está de volta! A vida venceu, mais uma vez.

De uma forma ou de outra, a vida vence sempre.

Quando vemos, depois da ação de um vulcão com sua força avassaladora, a natureza brotar de terra dizimada, sentimos o quanto a vida luta. Quando vemos comunidades destruídas por catástrofes naturais resistirem, organizarem-se, darem-se as mãos e promoverem a renovação dos seus cotidianos, sentimos que a vida vence. Quando vemos populações africanas sendo violadas, roubadas de suas dignidades pela fome, por batalhas étnicas, por bandoleiros inescrupulosos e, mesmo assim, mantendo a inocência nos seus rostos, sentimos que a vida vence.

Mesmo quando a tristeza bate a nossa porta pela doença, pela morte dos nossos afetos, nos unimos, nos abastecemos nas nossas crenças e não nos desesperamos, acreditando que o amanhã pode trazer sempre mais luz. Nosso coração sabe que a vida vai acabar vencendo.

A vida vence e é por ela que todos nós, funcionários, voluntários, gestores, amigos desta Casa, lutamos. A Casa do Menino acolhe e atende suas crianças nas 24 horas diárias para garantir o seu conforto, a sua possível inclusão e para ver sempre a vitória da vida na delicadeza dos seus sorrisos.

Dênia Bazanella
Voluntária/Comunicação

Comentários  

# Marcia La Porta 10 de Junho, 2016 - 22:03
Belíssimas verdades Denia. Queridas crianças sorriem em qualquer tempo nos enche de emoção e ternura.
Responder | Responder com citação | Citar
# Maria Luiza Sanfelic 10 de Junho, 2016 - 23:26
Podemos sentir, em todo texto, o quanto iiso é verdadeiro pra ti e as outra pessoas que lá trabalham! O amor, a dedicação e a qualidade do atendimento são admiráveis! Parabéns a todos os envolvidos! É comovente saber o que acontece na Casa...bk86v
Responder | Responder com citação | Citar

Adicionar comentário


Digite o captcha abaixo para enviar seu comentário:

Código de segurança
Atualizar

Imagem Coração
TOPO